Nome : Mick D'arc

Idade : 30

Cidade : Sin City

Signo : Touro

Ascendente : Leão

Anjo : Imamiah

Cor : Preto

Música : Equalize

Filme : Gia

Livro : Operação Cavalo de Tróia

Coisas que adoro : música, dormir, pc, amigos, tattoos, cinema, motos, ler, violão

Coisas que odeio : inveja, ciúmes, falsidade, verduras, aranhas


Meus Links

Aino Scanlations


Blogs Amigos


Links

Meu Mundo de Coisinhas

Aya Kandarah


Arquivo







Adicione aos Favoritos!





A tristeza pode ser intensa,
mas jamais será eterna.
A felicidade pode demorar a chegar,
mas o importante é
que ela venha para ficar
e não esteja apenas de passagem...



Google



Enecomp 2008

20 julho 2006

Corazón Partío



Corazón Partío

Alejandro Sanz


Tiritas pa este corazón partío.
Tiritas pa este corazón partío.

Ya lo ves, que no hay dos sin tres,
que la vida va y viene y que no se detiene...
Y, qué sé yo,
pero miénteme aunque sea, dime que algo queda
entre nosotros dos, que en tu habitación
nunca sale el sol, ni existe el tiempo,
ni el dolor.

Llévame si quieres a perder,
a ningún destino, sin ningún por qué.

Ya lo sé, que corazón que no ve
es corazón que no siente,
o corazón que te miente amor.
Pero, sabes que en lo más profundo de mi alma
sigue aquel dolor por creer en ti
¿qué fue de la ilusión y de lo bello que es vivir?

Para qué me curaste cuando estaba herío
si hoy me dejas de nuevo con el corazón partío.

¿Quién me va a entregar sus emociones?
¿Quién me va a pedir que nunca le abandone?
¿Quién me tapará esta noche si hace frío?
¿Quién me va a curar el corazón partío?
¿Quién llenará de primaveras este enero,
y bajará la luna para que juguemos?
Dime, si tú te vas, dime cariño mío,
¿quién me va a curar el corazón partío?

Tiritas pa este corazón partío.
Tiritas pa este corazón partío.

Dar solamente aquello que te sobra
nunca fue compartir, sino dar limosna, amor.
Si no lo sabes tú, te lo digo yo.
Después de la tormenta siempre llega la calma.
pero, sé que después de ti,
después de ti no hay nada.

Para qué me curaste cuando estaba herío
si hoy me dejas de nuevo con el corazón partío.

¿Quién me va a entregar sus emociones?
¿Quién me va a pedir que nunca le abandone?
¿Quién me tapará esta noche si hace frío?
¿Quién me va a curar el corazón partío?
¿Quién llenará de primaveras este enero,
y bajará la luna para que juguemos?
Dime, si tú te vas, dime cariño mío,
¿quién me va a curar el corazón partío?

¿Quién me va a entregar ...


Spectrum Light

* † † † --| Spectrum Light |-- † † † *

Extras

- Novidades -

Amar pode te levar ao céu e ao inferno. Depende de como anda o seu amor. ............................................. XXXXXXXS2XXXXXXX
- Soneto de Fidelidade -

De todo o meu amor serei atento
Antes e com tal zelo e sempre
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento

Que vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou ao seu contentamento

E assim quanto mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor(que tive):
Que não seja imortal posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure

**** Vinícius de Moraes ****

- Nas Margens... -

"Você nunca será meu,
e por isso terei você para sempre.
Você foi a esperança dos meus dias de solidão,
a angústia dos meus momentos de dúvidas,
a certeza dos meus instantes de fé.
Apenas por ter certeza de sua existência continuei existindo."

"A vida inteira eu me lembrarei de você
e você se lembrará de mim.
Assim como nos lembraremos do entradecer,
nas janelas com chuva
das coisas que teremos sempre
porque não podemos possuir."

**** Paulo Coelho ****

- Te Quero -

Não te quero senão porque te quero
E de querer-te a não querer-te chego
E de esperar-te quando não te espero
Passa meu coração do frio ao fogo.

Te quero só porque a ti te quero,
Te odeio sem fim, e odiando-te rogo,
E a medida de meu amor viageiro
À não ver-te e amar-te como um cego.

Talvez consumirá a luz de janeiro
Seu raio cruel, meu coração inteiro,
Roubando-me a chave do sossego.

Nesta história só eu morro
E morrerei de amor porque te quero,
Porque te quero, amor, a sangue e a fogo.

**** Pablo Neruda ****

- Procure Seus Caminhos -

Procure os seus caminhos,
mas não magoe ninguém nessa procura.
Arrependa-se, volte atrás, peça perdão!
Não se acostume com o que não o faz feliz,
revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças,
mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!

**** Fernando Pessoa ****